Ballet Kiev, da Ucrânia, encanta a plateia na cidade de Sobral

 A dona de casa Ana Maria Sales, de 35 anos, saiu cedo de casa, toda arrumada, nesse domingo (27), para ver o balé. O primeiro da vida dela, assim, ao vivo, e tão de perto. Ana Maria procurou uma cadeira numa das filas próximas ao palco e sentou-se toda vibrante; sozinha mesmo, ou melhor, acompanhada de uma multidão que, desde o início do mês, buscava por um espaço para assistir ao concorrido espetáculo do Ballet de Kiev, também conhecido como o Ballet Nacional da Ucrânia, que, numa apresentação única no Ceará, mostrou porque os clássicos renascem a cada remontagem e nova apresentação.

Nesse caso, na turnê que já passou por algumas cidades brasileiras e comemora, em solo nacional, 150 anos de existência da renomada companhia. Nessa noite, os olhos da plateia de Sobral, no Semiárido nordestino, se encantaram com a leveza e técnica empregadas em cada movimento perfeito, cada vibração dos corpos esguios e ágeis dos 27 bailarinos que trouxeram algumas horas de encantamento, de graça, a quem escolheu a dança como programa para encerrar seu domingo. Cerca de 3 mil pessoas buscaram as pulseiras de acesso ao espetáculo, trocando a entrada por brinquedos, a serem entregues a entidades que cuidam de crianças no município; unindo o fazer cultural ao apoio social, como reforça a bibliotecária Lurdes Sampaio Rocha. “Eu gostei muito de saber que o prazer que me foi dado de estar aqui, hoje, apreciando a maravilha do balé clássico, trouxe um pouco de alegria a uma criança que nem sei quem é, mas que vai se alegrar com o brinquedo que eu doei”, disse.

Tributo a Tchaikovsky

Considerado um dos melhores do mundo, o Ballet de Kiev iniciou sua turnê pelo Brasil neste mês de agosto, com um roteiro que começou por Brasília (DF), passando por Florianópolis (SC), Jaraguá do Sul (SC), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Porto Alegre (RS), e agora Sobral (CE), A cidade de Cuiabá (MT) será o palco de despedida da série de apresentações em homenagem a Tchaikovsky

Apresentações Nessa sua vinda ao Brasil, o grupo oferece ao público a oportunidade de apreciar suítes (conjunto de movimentos apresentados sem interrupções) bem mais completas do que normalmente são apresentadas por outras companhias. No palco, em uma média de uma hora para cada espetáculo, foram mostrados os principais atos dramáticos que compõe o balé, recheado de apresentações solos, pas de deux e atos com todos os bailarinos em cena, como ainda ocorre nos disputados espetáculos no próprio Teatro de Ópera da Ucrânia.

Enquete

O que você achou da apresentação?

“Fantástica. Admiro muito o balé clássico, e sempre sonhei em ter a chance de assistir a uma apresentação internacional como essa. Esse espetáculo nos enche de alegria”

Laura Beatriz de Sousa
Estudante

Maravilhosa. O que mais me encantou foi o profissionalismo dos bailarinos, a leveza e concentração de todos. Faço balé e aqui posso me inspirar para minhas apresentações”

Emily Aguiar Lopes
Bailarina

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindoA imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas dançando e pessoas no palcoA imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas dançando e pessoas no palcoA imagem pode conter: 1 pessoa, dançando

Curta e compartilhe:
1k

Jonas Deison

Somos um portal de notícias focado na cidade de Sobral, Ceará. Prezamos sempre pela notícia verdadeira e sem conteúdo apelativo. Contato: (88) 99222-3363 | (88) 99632-4226 Administrador: Jonas Deison

Deixe uma resposta