Cultura | Secult confirma Festival Música na Ibiapaba para 23 a 30 de julho

A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) confirma a realização do Festival Música na Ibiapaba, um dos mais reconhecidos eventos do calendário cultural cearense e uma das mais importantes iniciativas de todo o País quanto à formação em música popular. O festival será mais uma vez sediado em Viçosa do Ceará e acontecerá de 23 a 30 de julho, se estendendo também para outros municípios da região da Ibiapaba, além da cidade de Sobral, ampliando o público participante e beneficiando de forma mais ampla o Interior, em sintonia com a política cultural do Estado. 
Criado na década de 2000, sob concepção e direção da musicista e professora de música popular Consiglia Latorre, então integrante da equipe do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, equipamento da Secult, o Festival Música na Ibiapaba contribuiu, ao longo de suas 11 edições realizadas até aqui, para a formação de várias gerações de novos músicos cearenses ou atuantes no Estado. Foram inúmeros os grandes artistas e professores que passaram pelo festival, compartilhando com estudantes das redes públicas estadual e municipal arte, conhecimento e expertise. E lançando visibilidade sobre novíssimos nomes que, hoje, se tornaram realidade, com trabalhos consolidados e forte atuação na cena cearense e nacional. 
O cantor, compositor e pianista Johnny Alf, um dos pioneiros da bossa nova, o guitarrista Nelson Faria, o pianista Rafael dos Santos, Oswaldinho do Acordeom, o saxofonista Costinha, guitarrista Cristiano Pinho, o flautista Heriberto Porto, o baixista Miqueias dos Santos, o baterista Luizinho Duarte, os violonistas Tarcisio Sardinha, Marcos Maia, Rogério Lima e Cainã Cavalcante, os cantores Aparecida Silvino, Humberto Pinho e Marcos Lessa, a Orquestra de Câmara Eleazar de Carvalho e o Coral da UFC foram algumas das atrações que passaram pelos palcos de Viçosa do Ceará, ao longo dessa trajetória do festival, iniciada em 2004. 
Em todo esse percurso o festival sempre manteve o foco nas atividades de formação musical, com uma grande imersão de crianças e jovens em cursos, oficinas, debates e apresentações, ao longo de uma semana, na atmosfera acolhedora e carregada de história e arte, na região da Ibiapaba. A grande maioria dos artistas que subia ao palco para apresentações também compartilhava seus conhecimentos com os jovens, ao longo da semana ou em bate-papos especiais. A música ia do nascer do dia até as madrugadas, com as apresentações dos mestres e dos estudantes, no palco no alto da Igreja do Céu, e com as rodas de improvisação e interação musical, em clima de informalidade e amizade, pelos bares e praças de Viçosa. 
Serviço
Festival Música na Ibiapaba
Data:  23 a 30 de julho
Curta e compartilhe:
1k