Temer confirma em nota encontro com JBS, mas nega tentativa de obstrução da Lava Jato

A assessoria de Imprensa do Palácio do Planalto divulgou nota, nesta noite de quarta-feira, sobre a bomba das denúncias dos donos da JBS.

No conteúdo, confirma que Michel Temer se encontrou com donos da JBS no Palácio Jaburu, em março último, mas nega ação para obstruir a Lava Jato, a partir da compra do silêncio do ex-deputado federal Eduardo Cunha. Diz ainda a nota que Temer defende “ampla investigação” sobre o caso.

No entorno do Palácio do Planalto, um grupo pequeno de manifestantes grita “Fora Temer” e um buzinaço na área é registrado a cada momento.

O caso das denúncias da JBS já é o primeiro no ranking do Twitter e provoca muitos memes e piadas na internet.

Veja a íntegra da nota:

“O presidente Michel Temer jamais solicitou pagamentos para obter o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha. Não participou e nem autorizou qualquer movimento com o objetivo de evitar delação ou colaboração com a Justiça pelo ex-parlamentar. O encontro com o empresário Joesley Batista ocorreu no começo de março, no Palácio do Jaburu, mas não houve no diálogo nada que comprometesse a conduta do presidente da República.

O presidente defende ampla e profunda investigação para apurar todas as denúncias veiculadas pela imprensa, com a responsabilização dos eventuais envolvidos em quaisquer ilícitos que venham a ser comprovados.”

Curta e compartilhe:
1k

Jonas Deison

Somos um portal de notícias focado na cidade de Sobral, Ceará.
Prezamos sempre pela notícia verdadeira e sem conteúdo apelativo.

Contato: (88) 99222-3363 | (88) 99632-4226

Administrador:
Jonas Deison

Deixe uma resposta