A dança dos padrinhos: Capitão com Bolsonaro tem 34%, Elmano com Lula 30% e RC com Ciro tem 25%

A pesquisa Real Big Time mostra que a corrida para governador do Ceará larga com muita emoção. Para começar, sem os padrinhos, o resultado quanto aos dois primeiros colocados era o esperado. Capitão Wagner com 35% e RC com 26%. São índices dentro das expectativas. O que surpreendeu foram os 21% de Elmano de Freitas, o menos conhecido do eleitorado entre os líderes.

A situação fica ainda melhor para Elmano quando Lula é colado ao candidato. Aí, o petista passa de Roberto Cláudio, apadrinhado por Ciro Gomes, e alcança 30%. Já o pededista fica menor quando colado a Ciro, saindo de 26% para 25%, portanto no mesmo patamar. Ainda mais considerando a margem decreto.

Já o Capitão, quando colado a Bolsonaro também fica praticamente igual, saindo de 35% sem padrinho para 34% com padrinho.

A pesquisa ouviu  1.500 eleitores entre os dias 2 e 3 de agosto. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.