À procura de rival, grupo filma ataque à casa de grávida em Ubajara e é identificado pelo vídeo

Um grupo de três pessoas armadas invadiu uma residência na madrugada da última segunda-feira (27), na cidade de Ubajara, a 304 km de Fortaleza. A ação foi filmada por um dos integratens do grupo. Segundo o delegado Rubani Pontes Filho, da Delegacia Municipal de Ubajara, que investiga o caso, através do vídeo, todos os suspeitos foram identificados.

O delegado afirmou que o trio faz parte de uma organização criminosa da região e o grupo estava à procura de um integrante de outra facção conhecido como “Manel”. Depois que os homens entram dentro da residência, um dos suspeitos com arma em punho pergunta a um morador onde está uma pessoa chamada “Manel”.  “Onde o Manel tá? Eu quero saber onde tá o Manel. Mande ele se apresentar na boa que o bonde aqui não vai ser igual o dele não”, diz. Após verificar todos os compartimentos da casa, os três vão para outra residência, porém, o local está vazio.

Ainda de acordo com Rubani, os três planejaram o ataque,mas não encontraram o homem que estavam procurando. O delegado afirmou que, dentro da residência, além do morador que aparece nas imagens, estavam uma criança e uma mulher gestante.

“Foi um ato planejado. Ato pensado. Eles estavam atrás de um tal Manel que teria feito algo de errado contra os integrantes desta facção criminosa. Depois de passarem alguns minutos no local eles fugiram sem machucar ninguém e não levaram nenhum objeto da residência”, afirmou.

De acordo com o delegado, a polícia realiza buscas na região com intuito de prendê-los. A identidade dos três suspeitos não foi revelada para não atrapalhar as investigações.

Reforço da segurança

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) confirmou por meio de nota que a Delegacia Municipal de Ubajara da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) já identificou os autores de um vídeo com ameaças contra uma família. O órgão reforçou que os levantamentos feitos até agora apontam que os suspeitos estavam no imóvel visando localizar um suposto integrante de uma organização criminosa rival.

A SSPDS disse ainda que as ações de segurança na região ocorrem em conjunto com a Polícia Militar, que intensificou as operações na região para evitar delitos praticados por grupos criminosos.

Denúncia

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que ajudem na localização dos suspeitos do caso. As denúncias podem ser feitas para o número (88) 3634-1747 da Delegacia Municipal de Ubajara.

- Advertisement -

Deixe uma resposta