Alunos encontram portas fechadas por conta de adiamento do Enem

Mudanças de última hora fizeram com que muitos alunos pelo Brasil encontrassem fechadas as portas dos locais de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste sábado (5). Pela manhã, o Ministério da Educação incluiu 40 novos locais endereços que serão afetados pelo adiamento da prova por conta de ocupações.

De acordo com o Inep, até 10h40, 40 novos endereços foram incluídos e mais 31.918 alunos passaram a ter o Enem adiado – ao todo, por enquanto, são 404 lugares e 271.918 candidatos afetados. Eles farão as provas nos dias 3 e 4 de dezembro.

Veja os casos pelo país:

Ceará

O estudante Odacir Carneiro da Silva, 23 anos, foi o primeiro a chegar neste sábado (5) para fazer prova do Enem no prédio ocupado da Faculdade de Educação, da Universidade Federal do Ceará (UFC), e recebeu a informação do segurança de que não haverá prova no local.

“Hoje de manhã olhei no site no Inep e não havia nenhuma informação de que não haveria prova no local. Foi uma decepção porque passei o ano me preparando e agora descubro que não poderei realizar o Enem neste fim de semana”, disse Odacir. A unidade foi incluída na mais recente lista de locais ocupados onde não haverá Enem.

Espírito Santo

O estudante Hilton EEstudantes foram surpreendidos com adiamento do Enem em dois locais de prova na UFSC (Foto: Julio Ettore/RBSTV)lias Schoroeffer, estava inscrito para fazer a prova na EEEFM Joao Crisostomo Belesa, em Cariacica, na Grande Vitória. A escola não fazia parte da lista divulgada pelo Inep neste sábado, segundo ele, mas estava ocupada.

“Entrei no site do Inep e não constava que o Enem seria adiado nessa escola. Me preparei para fazer a prova neste final de semana. É uma falta de respeito com os estudantes. Isso abala o nosso psicológico”, afirmou.

Estudantes foram surpreendidos com adiamento do Enem em dois locais de prova na UFSC (Foto: Julio Ettore/RBSTV)

Santa Catarina

Candidatos que chegavam ao Centro de Ciências da Educação (CED) e Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) por volta do meio-dia deste sábado (5) foram surpreendidos pelo adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Esses dois locais de prova na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) foram incluídos em lista de ocupações divulgada pelo Inep no fim da manhã.

“Meia hora antes de abrirem os portões mandaram mensagem: ah, não vai mais ter. A pessoa fica nervosa e preocupada por nada. Imagina se tem? Aí fico nervosa e me ferro na prova por causa de uma irresponsabilidade de ambas as partes?”, disse a estudante Camila Ramos, 18 anos.

Cristephane Conceição dos Santos disse que não recebeu mensagem sobre o adiamento da prova até as 9h30 (Foto: Anderson Barbosa/G1)

Cristephane Conceição dos Santos disse que não recebeu mensagem sobre o adiamento da prova até as 9h30 (Foto: Anderson Barbosa/G1)

Sergipe

Cristephane Conceição dos Santos, 17 anos, foi até a Universidade Federal de Sergipe (UFS) e lá descobriu que não poderia fazer a prova neste sábado.

“Só fiquei sabendo que não faria prova quando cheguei aqui. Não recebi nenhuma mensagem de cancelamento. É um sentimento de angústia. Mas por um lado, terei mais tempo para estudar”, disse Cristephane, que até 9h30 não tinha recebido mensagem sobre o cancelamento da prova.

Amanda Elisiene Moura Souza e Rafaella Santos da Rocha Santa também foram até a UFS, mas os portões estavam fechados.

“Eu recebi uma mensagem do Inep falando do cancelamento por volta das 18 horas de ontem, mas no site só falava dos locais ocupados, no caso a Didática I e VI. E na dúvida eu achei melhor verificar pessoalmente” disse Amanda Elisiene Moura Souza que deseja cursar nutrição.

Já Rafaella Santos da Rocha Santa disse que só viu o e-mail hoje pela manhã. “Eu acabei vindo até aqui para ter certeza. O sentimento é mais nervoso”, diz a estudante que quer fazer gastronomia.

Com Informações do G1

Jonas Deison

Somos um portal de notícias focado na cidade de Sobral, Ceará. Prezamos sempre pela notícia verdadeira e sem conteúdo apelativo. Contato: (88) 99222-3363 | (88) 99632-4226 Administrador: Jonas Deison

Deixe uma resposta