“Aqui nunca vai ser o comunismo”, diz Gusttavo Lima durante show em Brasília

O cantor sertanejo Gusttavo Lima se posicionou contra o comunismo ao realizar um show no último sábado, 21, em Brasília. O músico saiu em defesa de “Deus, pátria e família” e complementou afirmando que “aqui nunca vai ser o comunismo”.

Sem fazer menção a Jair Bolsonaro (PL), mas com um discurso comumente utilizado pelo presidente, o cantor pediu ainda “liberdade para pensar, liberdade para agir, liberdade para conversar, liberdade para estar na internet, liberdade de expressão”.

Foram registradas também brigas generalizadas entre o público presente no show do artista. Em nota, a produção do evento afirma que “repudia qualquer ato de violência” e que um grupo de seguranças agiu para impedir que as agressões continuassem. “A equipe afirma ainda que no evento havia um grande grupo de seguranças e brigadistas que foram preparados para atender as ocorrências, de acordo com cada necessidade”, informa o documento.

Informações: O Povo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.