Borracheiro é morto a tiros e bebê é baleado na cabeça em praça de Fortaleza

Os dois suspeitos de realizar o ataque fugiram em uma motocicleta.

Um borracheiro de aproximadamente 40 anos foi morto a tiros e um bebê de sete meses foi baleado na cabeça, na noite desta sexta-feira (14), em uma praça pública localizada no bairro Joaquim Távora, em Fortaleza. Os dois suspeitos de realizar o ataque fugiram em uma motocicleta.

Imagens de câmeras de segurança mostram várias pessoas sentadas nas mesas da praça. O local fica em frente a Avenida Pontes Vieira, uma das mais movimentadas da capital cearense. Há muitos bares e lanchonetes e habitualmente o local é bastante frequentado principalmente aos finais de semana.

Nas imagens é possível ver que dois homens aparecem de repente correndo pela praça e realizando os disparos de arma de fogo em direção à vítima. Houve grande correria com mesas e cadeiras sendo derrubadas pelos frequentadores do local que tentavam se abrigar para escapar dos tiros. O borracheiro identificado apenas como “Catatau” não resistiu aos ferimentos.

Na sequência da gravação, um pai aparece segurando um bebê ferido. Nitidamente, desesperado, ele tenta pedir ajuda a pessoas que estavam no local até que a gravação do vídeo é interrompida. Segundo a reportagem da TV Cidade que esteve no local, o bebê foi socorrido e levado para o Hospital Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza. O estado de saúde da criança não foi divulgado.

A criança que foi vítima de bala perdida estava com os pais e os irmãos. Os moradores afirmam que o pai do bebê é um cidadão humilde morador da Comunidade do Lagamar e que trabalha como flanelinha no entorno do mercado instalado na referida praça onde aconteceu o ataque e que nesta noite havia levado a família para um momento de lazer.

GCMais entrou em contato com a Secretaria da Segurança Pública e com a Polícia Militar para solicitar mais informações sobre o caso e aguarda resposta para atualização da matéria.

Fonte: GC Mais

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.