Candidato sobralense oficializa compromisso de doar parte do salário de vereador para as obras de caridade

O postulante a uma vaga na Câmara Municipal de Sobral, Professor Audino Lopes (PT), traz à tona uma discussão polêmica sobre as vantagens e privilégios dos detentores de mandatos de vereadores no legislativo sobralense.

Entre as propostas do candidato, ele firmou o compromisso registrado no cartório de doar 50% do salário do vereador às instituições de caridade. Embora pareça proposta eleitoreira, a prática é considerada legal e não caracteriza compra de votos, nem abuso de poder econômico.

A proposta tem causado desconforto para muitos partidos e candidatos que atribuem ser uma pratica de proselitismo político para tirar vantagens eleitorais. Para outros, a proposta soa como compra de votos, algo que já foi superado pelas decisões dos Tribunais Eleitorais, uma vez que não há “destinatário específico”.

Fonte: Blog do Célio Brito

- Advertisement -

Deixe uma resposta