Ciro Gomes nega ter recebido convite para ser ministro de Dilma

O secretário da Saúde do Ceará, Ciro Gomes, negou ter recebido convite da presidente Dilma Rousseff para assumir o cargo de ministro da Saúda. “Não houve convite. Eu tenho muito carinho pela presidente Dilma, tenho enorme apreço por ela, apoio a presidente Dilma, tenho queixas em relação ao governo, mas confio na seriedade dela e a minha missão hoje é servir aos cearenses como secretário da Saúde”, disse o Ciro.
Segundo aliados políticos, Ciro Gomes é cotado para assumir um cargo no Governo Federalpara “bater de frente” com Eduardo Campos na campanha presidencial de 2014. Ciro Gomes era membro do PSB, partido presidido por Eduardo Campos, até dois meses atrás.
Durante visita de Dilma Rousseff ao Ceará na semana passada, a presidente fez elogios públicos a Ciro Gomes. “Nós dois fomos juntos ministros no primeiro governo do ex-presidente Lula. Conheci o Ciro como um homem de coragem, um homem de perseverança, um excelente gestor, mas sobretudo um homem de imensa dignidade, um homem íntegro. E, mesmo que ele não queira, extremamente doce”, disse.

- Advertisement -

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.