Clonagem de WhatsApp tem aumento de 90% no mês de agosto

Um levantamento sobre o cenário da cibersegurança no Brasil referente ao mês de agosto deste ano foi realizado pelo dfndr lab, laboratório especializado em segurança digital da PSafe, nele foi identificado que mais de  370 mil pessoas passaram pelo golpe de clonagem de whatsapp no país, o que significa que cerca de 12 mil brasileiros tonavam-se vitimas por dia.

Colocado em comparação com Janeiro deste ano, o numero foi 90% maior, O estado que mais foi afetado por esta prática cada vez mais crescente, São Paulo, epicentro dos ataques, com um pouco mais de 68 mil afetados, seguido de Rio de Janeiro com 41,4 mil e Minas Gerais com 28,2 mil.

“os golpistas sempre se aproveitam de temas em alta na mídia, como o próprio coronavírus, para criar estratégias e enganar as vítimas. Já identificamos golpes em que pessoas mal-intencionadas tentam se passar por pesquisadores do TeleSUS e até do Instituto DataFolha, alegando que estão fazendo pesquisas sobre o Covid-19, e solicitando um suposto código de confirmação enviado para o celular do respondente para validar a pesquisa. O código, na verdade, trata-se do PIN do WhatsApp, um código de segurança único que não deveria ser informado a terceiros, e é de posse desse código que os cibercriminosos conseguem acessar e sequestrar a conta de WhatsApp das vítimas”, explica o diretor do dfndr lab, Emilio Simoni.

- Advertisement -

Deixe uma resposta