Companhia 4 Portas apresenta op espetáculo MEDEA nesta quarta (20)

Continuando a temporada, a 4 Portas na Mesa segue as apresentações com uma das tragédias gregas mais conhecidas mundialmente. Desta vez: MEDEA. Com o núcleo de artistas da turma zero, encenando a sua terceira montagem. “MEDEA representa um novo tipo de personagem na tragédia grega, como esposa repudiada e estrangeira perseguida, ela se rebela contra o mundo que a rodeia, rejeitando o conformismo tradicional. ”, diz Chico Expedito, diretor geral da peça. “É uma obra amplamente lida como um texto pró-feminista, na medida que explora as desvantagens de ser mulher numa sociedade patriarcal.”

A OBRA
MEDEA é a história de uma mulher e de um homem. O homem é Jasão, herói grego que realizou uma missão julgada impossível: conquistar o Velocino de Ouro. E obteve sucesso graças aos poderes de sua esposa, para depois, oportunamente se casar com Glauce, filha de Creonte, rei de Corinto. A mulher é MEDEA, neta do Deus Sol, Hélios, filha do rei de Cólquida, mulher de inteligência superior, o que a faz temida e invejada por não se adequar as regras impostas pela sociedade da época. Sendo exilada da terra de Corinto por Creonte, ela urde sua vingança.

Trata-se de um mito grego que se mantém atual e que, ao longo de 2.500 anos, recebe todo tipo de tratamento. O mais famoso deles, sem dúvida, é pelas mãos do poeta trágico grego Eurípedes, no século V a.C.. A versão de Eurípedes chocou o público da época, por fazer o centro da tragédia não um homem, mas sim uma mulher, tornando-a, assim, a verdadeira heroína da peça e representando o homem grego e herói em toda sua fraqueza e covardia.

O GRUPO
É a terceira montagem da Turma Zero da 4 Portas na Mesa, um elenco de jovens que dessa vez monta um clássico da tragédia Grega (objeto do módulo estudado). Como já é sua característica, o grupo agrega em um estudo profundo, a essência de um texto antigo do universo Grego, considerado difícil, com uma visão moderna de encenação.

A MONTAGEM E DIREÇÃO
Para adaptação do texto nos baseamos na versão clássica de Eurípedes do séc. V, anterior a nossa era e também em uma versão moderna, o roteiro de Carl Theodor Dreyer escrito em 1937, depois transformado em filme por Lars von Trier em 1988. Abordamos a possibilidade de um drama arcaico continuar atuando como mediação simbólica para os dias atuais. Um espetáculo dinâmico, com excessos. Medea – Amor e vingança. (Parafraseando o texto de Chico Expedito, Sergio Schultz)

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

O espetáculo “MEDEA” faz parte da Programação Cultural de Sobral do Mês de Junho com a parceria e apoio do Instituto ECOA e da Secretaria de Cultura, Juventude, Esporte e Lazer de Sobral.

Evento no facebook: https://www.facebook.com/events/318758031989982/
Facebook: http://facebook.com/4portas
Instagram: http://instagram.com/4portas

SERVIÇO:
Espetáculo “Medea”
Local – Theatro São João de Sobral
Dia – 20 e 21 de junho
Hora – 20 horas
Acesso – R$ 10 ( Inteira) e R$ 5 (meia)

Jonas Deison

Somos um portal de notícias focado na cidade de Sobral, Ceará. Prezamos sempre pela notícia verdadeira e sem conteúdo apelativo. Contato: (88) 99222-3363 | (88) 99632-4226 Administrador: Jonas Deison

Deixe uma resposta