Diante crise ambiental, secretaria da Amazônia sairá do papel

Em meio a tantas criticas de gestão de Bolsonaro sobre as queimadas que assolam o Brasil, nesta segunda-feira (21) o Ministério do Meio Ambiente oficializou a criação das Secretarias da Amazônia e Servicos Ambientais e Áreas Protegidas. A mudança era prevista para acontecer dia 11 de Agosto, mas somente agora entrou em vigor.

Nas novas Secretarias foram criados os departamentos de areas protegidas e concessões, conservação  florestal e servicos ambientais e ecossistemas.

Um ex conselheiro de uma das principais entidades ruralistas do País vai comandar a recem-criada secretaria, a nomeacao de Joaquim Alvaro Pereira Leite foi confirmada no Diario Oficial da União.

- Advertisement -

Deixe uma resposta