Eduardo Pazuello deixa o comando do Ministério da Saúde; médico Marcelo Queiroga assume a Pasta

Eduardo Pazuello não é mais o ministro da Saúde. A saída do general foi anunciada na noite desta segunda-feira (15). O médico Marcelo Queiroga vai assumir o comando do Ministério.

Reunião com o novo ministro foi realizada nesta segunda. Bolsonaro comentou com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada a troca de ministros, que será a terceira durante a pandemia.

“Foi decidido agora à tarde a indicação do médico, doutor Marcelo Queiroga, para o Ministério da Saúde. Ele é presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia. A conversa foi excelente, já conhecia há alguns anos, então não é uma pessoa que tomei conhecimento há poucos dias. Tem tudo no meu entender para fazer um bom trabalho, dando prosseguimento em tudo que o Pazuello fez até hoje”, disse o presidente.

A saída de Pazuello foi confirmada após impasses internos no governo Bolsonaro. Nesse domingo, reportagem do O Globo apurou que o general deixaria a pasta por problemas de saúdes, o que mais tarde foi negado pelo próprio agora ex-ministro. Nesta segunda, ele confirmou o presidente estava analisando a sua substituição.

 

Marcelo Queiroga, novo ministro da Saúde
Legenda: O médico paraibano tem extenso currículo de gestão médica
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

 

Queiroga é presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

Deixe uma resposta