“Em ato de DESESPERO, clamamos por segurança”, dizem moradores de Sobral em nota às autoriades

Devido à onda de violência que os moradores da cidade de Sobral, tem vivenciado nas últimas semanas, os moradores dos bairros Dom José I e II, Padre Palhano e Sumaré emitiram uma nota, relatando o drama da sociedade.

Em um dos trechos, os moradores relatam que: “Estamos vivendo um TERROR sem poder sair, sem poder criar os nossos filhos em paz, esperando a qualquer momento uma notícia ruim. Hoje mais do que nunca, em ato de DESESPERO, clamamos por segurança; clamamos por PAZ!”

Confira a nota enviada na íntegra ao Sobral Online:

“Nós cidadãos moradores dos bairros Dom José I e II, Padre Palhano e Sumaré; estamos desesperados com a situação em que vivemos hoje. Antes a briga era entre as facções rivais, mas hoje os bandidos querem matar qualquer pessoa do bairro! Aqui tem também trabalhador, pai e mãe de família, estudantes, comerciantes e muitas pessoas de bem. Estamos vivendo um TERROR sem poder sair, sem poder criar os nossos filhos em paz, esperando a qualquer momento uma notícia ruim. Hoje mais do que nunca, em ato de DESESPERO, clamamos por segurança; clamamos por PAZ! Não adianta ter uma cidade bela, uma cidade aclamada por uma boa educação; tendo crianças e jovens morrendo e perdendo a chance de realizarem os seus sonhos. Precisamos sair de casa para viver uma vida digna, mas hoje estamos escravizados e trancados em casa pela falta de segurança! NÓS NÃO AGUENTAMOS MAIS TANTA DOR!”

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.