Em Martinópole-CE, polícia militar detém enfermeria da policlínica de Camocim por pertubação do ssossego alheio e outra mulher por desacato

Duas mulheres foram detidas por policiais militares do destacamento de Martinópole-CE na madrugada deste domingo, 21, uma sob acusação de crime de perturbação do sossego alheio e outra por desacato. 

Eram por volta de 01h da madrugada quando os policiais foram solicitados para atender uma ocorrência de perturbação do sossego alheio que estaria acontecendo casa localizada na Rua Eudomiro Barros, no bairro João Paulo II. Os policiais foram ao local, falaram com a responsável pela casa e esta se comprometeu a desligar o som. 

 Com a saída dos militares, populares voltaram a ligar informando que desta vez tinham ligado o som ainda mais alto. Novamente os policiais voltaram ao local e mediante a situação detiveram a responsável pelo aparelho de som, uma mulher identificada como Diana Oliveira, de 28 anos que é enfermeira da policlínica de Camocim. Na hora da ação policial outra mulher teria desacatado os policiais e também foi detida, ela foi identificada como Francisca Charlene, de 34 anos.

O caso foi levado para a DPC de Camocim onde foi lavrado TCO por perturbação do sossego alheio contra a primeira mulher e TCO por desacato contra a segunda. Em seguida as duas mulheres foram liberadas. 

Informações Camocim Polícia 24h 

Deixe uma resposta