Equipes de segurança se reúnem para discutir a criminalidade em Sobral

O Secretário de Cidadania e Segurança de Sobral, Pedro Aurélio Ferreira Aragão, recebeu em seu gabinete, o comandante do 3º Batalhão Cel. Sidney Moraes, o titular da Delegacia Regional Dr. Júnior, o subcomandante da Guarda Municipal José Rodrigues e o presidente do sindicato dos taxistas, Aderico Paulo.

Na pauta, as discussões sobre a segurança da população, e o atual índice de criminalidade em Sobral, que tem preocupado as autoridades. O secretário lembrou que a Prefeitura tem feito grandes investimentos, diretos e indiretos, em prol da segurança em diversas áreas, como o aprimoramento da Guarda Municipal, a construção de escolas de tempo integral, realização de campanhas socioeducativas, e reformulação dos Centros de Saúde da Família.

O presidente do Sindicato dos Taxistas alertou sobre o aumento do índice de assaltos à categoria, e ouviu do delegado e do comandante de polícia, Cel Sidney, que “as investigações serão sempre voltadas a elucidar crimes e tirar de circulação pessoas nocivas à sociedade. O sindicato precisa acionar a CIOPS, através do 190 para podermos dar uma resposta à altura. É necessário sempre registrar um B.O., o que ajuda nas investigações”, afirmou.

Uma outra medida adotada pela Prefeitura para coibir o crescimento da violência na cidade, foi apresentada no último dia 21, durante a reunião do GGIM, quando diversos representantes da sociedade civil foram informados da implantação do Protejo Mulheres da Paz, que objetiva fortalecer as redes sociais e proporcionar emprego, esporte e cultura para jovens de 15 a 24 anos, com histórico de criminalidade. Serão 150 jovens atendidas pelo programa, nos bairros José Euclides (Terrenos Novos) e Vila União.