Exercício ilegal de alunos motiva notificação extrajudicial do CRN-6 à Faculdade em Sobral (CE)

Uma faculdade localizada em Sobral (CE), recebeu notificação extrajudicial do Conselho Regional de Nutricionistas 6ª Região (CRN-6) por aluno estar atuando como nutricionista. Em sua página no instagram, o aluno de Nutrição afirma ter competência para manusear cardápios. Além disso, o aluno afirma que faz acompanhamentos nutricionais e prescreve suplementos para seus pacientes.

Para o presidente do CRN-6, o nutricionista Samuel Paulino, o exercício ilegal da profissão é um atentado à saúde pública. “Quando pessoas sem a formação e a habilitação atuam como nutricionista colocam em risco à saúde dos pacientes, bem como de toda a sociedade. A alimentação e a nutrição são princípios fundamentais de uma saúde integral. Quantas patologias são oriundas ou melhoradas pela alimentação? Alimentação é assunto sério”, explica.

Segundo o Conselho, a prática do aluno é compreendida como exercício ilegal da profissão de nutricionista, uma vez que fere o art. 3 da Lei Federal N°8.234/91, que dispõe sobre as atividades exclusivas dos nutricionistas. Assim, a notificação extrajudicial dá 20 dias para a Instituição de Ensino intervir junto ao aluno para cessar à prática ilegal. Caso contrário, as medidas judiciais cabíveis serão tomadas, como comunicação de notícia crime ao Ministério Público, bem como a Polícia Civil.

A Instituição de ensino superior informou que  está apurando os fatos junto aos envolvidos e tomará as medidas institucionais cabíveis.

Fonte: Assessoria de Comunicação CRN

Deixe uma resposta