Forças de Segurança prendem sete suspeitos de participar de homicídio de mulher em Ubajara

Uma ação rápida das Polícias Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e Polícia Militar do Ceará (PMCE) resultou na prisão em flagrante de um grupo suspeito de ter participação em um homicídio, registrado na manhã dessa segunda-feira (27), que vitimou uma mulher de 18 anos. As capturas ocorreram em menos de cinco horas após o crime. Os homens foram presos em Ubajara.

Em um trabalho ininterrupto e com o objetivo de capturar os envolvidos, as Polícias Civil e Militar capturaram sete homens envolvidos diretamente no crime contra a mulher. São eles: Antônio Eudes da Silva (25), também conhecido como “DJ”; Mateus Ramos Silva (22), conhecido como “Pachola”; Gleiciano da Cunha Silva (25); Emanuel Weslley Sousa da Silva (25); Allyson Luiz Santos (24); Ederson Silva Azevedo (28), conhecido como “Pica-pau” e Jardeson Silva Azevedo (31), conhecido como “Manin”. Todos os suspeitos foram capturados em Ubajara.

Os homens foram conduzidos para Delegacia Regional de Tianguá, onde foram autuados em flagrante pelos crimes de homicídio e por integrarem grupo criminoso. Em desfavor do suspeito Antônio Eudes foi cumprido, ainda, um mandado de prisão preventiva pelos mesmos crimes do qual ele foi autuado. A Polícia Civil segue em diligências a fim de capturar outros homens, já identificados, envolvidos nesta mesma ação criminosa.

Segundo informações preliminares, nas primeiras horas da manhã de ontem (27), uma mulher de 18 anos, teve a residência invadida por homens armados e foi atingida com vários disparos de arma de fogo, momento em que os suspeitos procuravam por ela e seu companheiro, que seria integrante do grupo rival e envolvido em homicídios na região. A ação criminosa aconteceu na localidade de Sítio Carpina, zona rural de Ubajara.

Forças de Segurança prendem sete suspeitos de participar de homicídio de  mulher em Ubajara - Polícia Civil

Outras prisões

Ainda na manhã de ontem (27), em Ubajara, as Polícias Civil e Militar cumpriram o mandado de prisão preventiva em desfavor de Antônio Lucas de Sousa Vieira, de 20 anos, suspeito de participar de duplo homicídio registrado em novembro deste ano, em que teve como uma das vítimas uma mulher gestante.

Segundo informações policiais, Antônio Lucas é companheiro da mulher de 18 anos que foi assassinada na manhã de ontem. Ainda segundo informações apuradas pelos policiais, o suspeito seria, também, alvo dos criminosos.

O homem foi conduzido para a Delegacia Regional de Tianguá, onde foi cumprido o mandado de prisão preventiva pelos crimes de homicídio e por integrar grupo criminoso. A Polícia Civil segue em diligências, a fim de identificar outros crimes praticados por Antônio Lucas.

1 comentário
  1. Rodrigo Silva Diz

    Que legal…!!
    Esta foi uma visita excelente, gostei muito, voltarei assim
    que puder… Boa sorte..!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.