Fortaleza: Para suprir falta de professores, prefeitura convoca profissionais que estavam em bibliotecas e laboratórios

'TAPA-BURACO'
A Secretaria Municipal de Educação de Fortaleza (SME) publicou nesta terça-feira (16), em seu site na internet, um comunicado convocando professores que estavam realocados em bibliotecas e laboratórios de informática para retornar às salas de aula convencional. A secretaria informou que após o mês de julho vai ser feita uma seleção de projetos para as lotações de professores nas bibliotecas e laboratórios.
O Sindicato de Professores e Servidores da Educação (Apeoc) manifestou insatisfação com a medida. O secretário de assuntos jurídicos da entidade, Sérgio Bezerra, defende que os professores sejam mantidos nos locais de lotação e que a carência de efetivo seja resolvida com a realização de concurso público. Para Bezerra, a convocação ameaça a continuidade dos projetos que já estão sendo desenvolvidos nas bibliotecas e laboratórios.
De acordo  com a SME, a intenção com o remanejamento do quadro docente é sanar problemas de efetivo e ter um mínimo de controle sobre os projetos desenvolvidos dentro das escolas. Para que os equipamentos não fiquem ociosos, fica orientado pela secretaria que, até julho, os próprios professores de sala organizem estratégias alternativas de utilização de bibliotecas e laboratórios, de forma a garantir o aproveitamento pedagógico e educativo desses espaços. Os professores que tiverem sido realocados mediante perícia médica devem desconsiderar esta convocação.

- Advertisement -

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.