Homem é processado pelo próprio cachorro e terá que pagar multa de 2 mil reais

Um homem foi processado por danos morais pelo próprio cachorro após agredir o animal com um pedaço de pau. Ele confessou as agressões e firmou acordo com o Ministério Público do Paraná (MP-PR) para não responder criminalmente por maus-tratos.

O acusado terá que pagar uma multa de R$ 2 mil e será liberado de um processo criminal. No entanto, ele ainda responderá na vara Cível por danos morais.

A agressão aconteceu em junho em Ponta Grossa, no Paraná. Câmeras de segurança registraram o momento. O homem foi preso em flagrante, mas recebeu liberdade provisória no mesmo dia.

A Justiça aceitou o cachorro, chamado de Tokinho, como autor do processo em outubro. Ele foi resgatado pela ONG Grupo Fauna e passou por tratamento veterinário. Em novembro, ele foi adotado e passou a ser chamado de Floquinho.

Fonte: Diário do Nordeste

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.