Leitor denuncia abuso dos flanelinhas no Centro de Sobral

O Site Sobral Online recebeu na manhã desta terça-feira uma denúncia de um morador da cidade de Sobral sobre o abuso realizado constantemente pelos flanelinhas de nossa cidade. Confira!

Quero relatar uma denúncia sobre os flanelinhas.
Até quando vamos viver sendo ameaçados por eles e ter que se sentir obrigado a pagar estacionamento do carro ou moto no centro da cidade.
Hoje,dia 08/11/16,um dos dois flanelinhas ,falou que se não tem 
prata (dinheiro) não tem vaga pra carro.Isso sua como ameaça em pleno centro da cidade de sobral.
isso precisa ser observado pela prefeitura,pois a população já paga muito caro por ter seu veículo,e tem que suportar viver sendo ameaçados?
Até quando?
Peço a prefeitura que se manifestem.Por favor.

O flanelinha pode cobrar pela vaga?

Não! O cidadão que estacionar o carro em local público não está obrigado a pagar a quem quer que seja, tendo portanto, o direito de aceitar ou não a atividade oferecida, pagando ao guardador se quiser.

Se o “flanelinha” se impuser a essa recusa, constrangendo ou ameaçando, utilizando-se até mesmo de violência contra o carro do proprietário, poderá responder criminalmente por isso.

Além disso, não se esqueçam! Os “flanelinhas” são integrantes de uma profissão estabelecida e reconhecida nacionalmente pela Lei Federal nº 6.242/1975. Para se exercer essa profissão, especialmente no Distrito Federal, deve-se comparecer à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), para realizar o cadastro e análise de alguns documentos.

Quer outra curiosidade? O “flanelinha”, segundo a lei, atuará em área externas, públicas, destinadas a estacionamento, devendo inclusive ser habilitado por órgão de trânsito para que possa efetuar manobras utilizando automóvel deixado em sua guarda.

Faça você também sua denúncia através de nosso canal: (88) 99222-3363

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui