Mais de 17 mil profissionais de saúde já foram infectados com Covid-19 no CE

O Ceará ultrapassou a marca de 17 mil profissionais de saúde infectados pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2): pelo menos 17.311 agentes foram diagnosticados com Covid-19 desde o começo da pandemia. As informações estão na atualização mais recente da plataforma IntegraSUS, publicada às 9h32 deste domingo (8). O painel é administrado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

Entre as categorias de saúde notificadas no painel, técnicos e auxiliares de enfermagem aparecem como os profissionais cearenses mais afetados. A profissão acumula 4.535 ocorrências de Covid-19 até o momento. Enfermeiros aparecem em seguida, com 2.245 casos registrados. Somados, são 6.780 diagnósticos positivos entre os profissionais da enfermagem, o que equivale a 39% de todos os casos registrados no Estado.

Em terceiro no ranking de infecções estão os agentes comunitários de saúde, com 1.570 registros. Dão continuidade à lista os profissionais da medicina, com 1.462 ocorrências de Covid-19 acumuladas até este domingo. Embora estejam em quarto no número de infectados, médicos lideram o número de óbitos causados por Covid-19. Das 30 mortes registradas no Ceará em agentes de saúde, oito eram profissionais da medicina. 

Ainda segundo as informações da Sesa, 17.128 agentes já se recuperaram da doença no Estado. Até o momento, 82.945 exames foram aplicados para diagnóstico dos profissionais e cerca de 1.208 casos seguem em investigação.

Cidade com mais registros de casos Covid-19 no Ceará, Fortaleza também é o município com maior número de ocorrências em profissionais da saúde. Na Capital, foram 6.523 infectados até o momento. Em seguida aparecem os municípios de Sobral, com 859 casos em agentes sanitários; Caucaia (715); Juazeiro do Norte (523); e Crato (362).

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe uma resposta