No Ceará, 35 cidades celebram hoje Imaculada Conceição

Católicos de 35 cidades cearenses celebram hoje (8) Nossa Senhora da Imaculada Conceição. Os festejos religiosos que começaram há dez dias incluíem novenas, missas, louvores e ofícios. Neste ano, por causa da pandemia do novo coronavírus, as tradicionais procissões foram canceladas.

Movidos pela fé e devoção, milhares de católicos participam de festas religiosas em 35 cidades do Interior, onde Maria Santíssima, mãe de Jesus, sob o título de Imaculada Conceição, é padroeira. Além das paróquias, há louvores em centenas de capelas, em áreas urbanas e rurais.

No Ceará, Nossa Senhora da Imaculada Conceição é padroeira de Acaraú, Amontada, Aracoiaba, Bela Cruz, Cascavel, Deputado Irapuan Pinheiro, Farias Brito, Granjeiro, Guaramiranga, Hidrolândia, Iracema, Ipaumirim, Ipueiras, Itapiúna, Jaguaretama, Limoeiro do Norte, Madalena, Martinópole, Mauriti, Meruoca, Milhã, Moraújo, Pacatuba, Pacajus, Pacoti, Palhano, Pentecoste, Pindoretama, Porteiras, Potiretama, Quixeré, Redenção, Sobral, Tururu e Quiterianópolis.

A maioria dos católicos que participa dos festejos religiosos veste branco. Idosos, jovens e crianças seguem a tradição herdada dos pais e avós. Em Sobral e em Limoeiro do Norte, sedes de dioceses, os festejos costumam atrair milhares de devotos às catedrais. “Neste ano, temos um público reduzido a menos de 50% por causa dos protocolos de segurança sanitária”, explicou o monsenhor Afonso Queiroga.

Nas 35 cidades onde a santa é padroeira é feriado municipal, embora em alguns municípios o feriado tenha sido antecipado durante o isolamento social rígido. A decisão, que é político administrativa, reflete a força da religiosidade do cearense e a intensa devoção à mãe de Jesus, Maria Santíssima. O padre João Batista Moreira pontuou que “o número elevado de paróquias e capelas dedicadas à santa decorre da proclamação do dogma da Imaculada Conceição e mostra o amor e a devoção à mãe de Jesus”.

Deixe uma resposta