O choro é livre | TV Globo se manifesta sobre comentário feito por Maju Coutinho no Jornal Hoje

Depois da repercussão do comentário da jornalista Maju Coutinho sobre uma reportagem exibida no Jornal Hoje de terça-feira (16), em que ela defendeu o cumprimento do isolamento social para evitar a propagação da Covid-19, a TV Globo manifestou-se sobre o caso.

Em nota, a emissora carioca informou que a jornalista quis dizer que, “por amargas que sejam, as medidas de isolamento social são necessárias. Sobre a dor daqueles que precisam manter seus negócios fechados”, assunto que foi abordado no telejornal vespertino.

Depois, continua o comunicado, a apresentadora falou ao fim da reportagem: “desejo também agilidade do governo e do Congresso para atender os empresários e também as famílias que estão aguardando auxílio emergencial“.

REPERCUSSÃO

O assunto gerou polêmica porque, na ocasião, Maju Coutinho afirmou que “os especialistas são unânimes em dizer que essas são medidas indispensáveis agora para conter a circulação do vírus. O choro é livre, não dá para a gente reclamar, é isso que tem”. Logo após o fato, o comentário da âncora gerou repercussão nas redes sociais.

CRÍTICA

Maju Coutinho foi criticada pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) por ter defendido as medidas de isolamento social.

Ele avalia que a apresentadora “debochou” dos trabalhadores que estão com os seus negócios fechados ao comentar reportagem exibida no Jornal Hoje.

‘ARROGÂNCIA GLOBAL’

Por causa do fato, o deputado federal Eduardo Bolsonaro emitiu opinião: “do alto de sua arrogância global e de seu alto salário, Maju Coutinho defendeu lockdowns e debochou de quem precisa trabalhar para não passar fome”, publicou no no Twitter.

Deixe uma resposta