Paciente toma cerveja em hospital após 18 dias internado na UTI com Covid-19

Mesmo internado com Covid-19, Eduardo Benke, de 61 anos, quis manter sua rotina, na medida do possível. Segundo a equipe de um hospital de Blumenau, em Santa Catarina, onde ele ficou por 27 dias, o paciente vinha comentando sobre o costume de tomar uma cerveja gelada no fim de todos os dias. No 18º, Benke apresentou uma melhora e foi surpreendido com alguns goles da bebida sem álcool. Na última terça-feira, 30, ele se recuperou da doença e voltou para casa.

O momento ocorreu com ajuda de uma profissional de saúde do Hospital Santo Antônio, uma semana antes de Benke sair do hospital, assim que ele deixou a UTI. De acordo com o hospital, os colaboradores se organizaram e durante o próprio horário de almoço foram ao mercado comprar a cerveja. Os primeiros goles da bebida foram comemorados em alemão: “Es ist sehr lecker”, que significa “essa é muito gostosa”, fazendo toda a equipe presente rir de sua empolgação, descontraindo todos os colaboradores. As informações são do portal G1.

“Com moderação e equilíbrio é possível incluir alimentos da preferência do paciente e promover recuperação sempre com o auxílio, supervisão e consenso da equipe”, explica a nutricionista Ligia Batiston, parte da equipe multidisciplinar. Segundo ela, os pacientes são avaliados diariamente para analisar o plano alimentar e são consultados sobre seus gostos, apara ajudar a dar ânimo e reabilitar ao consumo da alimentação pela boca.

“Ele relatou que estava com muita sede e estava com vontade de cerveja bem gelada. A oferta foi de cerveja sem álcool e com moderação. A alegria e o ânimo motivou ele a alimentar-se mais e ter mais ânimo no processo de reabilitação”, afirmou a profissional. O paciente se recuperou e recebeu alta hospitalar depois de 27 dias internado, 18 deles na UTI. Ao sair, ele recebeu uma homenagens dos profissionais de saúde da equipe do hospital.

Fonte: OPovo

Deixe uma resposta