Pela 1ª vez na história, Ceará terá 6 candidatos a vereador com nome social na urna eletrônica

Pela primeira vez na história das eleições municipais no Brasil, candidatos e candidatas aos cargos de prefeito e vereador em todo o País poderão ter o nome social na urna eletrônica. Isso permite que as pessoas que não se identificam com o gênero designado no seu nascimento possam concorrer a cargos eletivos utilizando o nome pelo qual a sua comunidade os conhece. Em todo o Brasil, 159 candidatos declararam seu nome social, sendo seis no Ceará.

Para ser inserido na urna eletrônica, o nome social já deverá constar do cadastro eleitoral e estar no título de eleitor do candidato ou candidata, segundo a Resolução TSE nº 23.609/2019, que normatiza a escolha e o registro de candidaturas a esses cargos para as eleições de 2020.

Essa conquista da comunidade LGBTQIA+ nas eleições começou em 2018 com uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizando que candidatos e candidatas transgêneros aparecessem na urna eletrônica com o seu nome social. Com a medida, nas eleições gerais daquele ano, foram registradas 29 candidaturas com nome social em todo o País, sendo que 15 conseguiram ser eleitas para o cargo de suplente de deputado federal ou estadual, segundo a Justiça eleitoral.

Saiba quem são os candidatos que declararam nome social para as eleições municipais do Ceará. Os seis concorrem a uma vaga de vereador.

  • Em Fortaleza, José Honorato Batista Neta, do PCdoB, vai usar na urna o nome Neta.
  • Em Juazeiro do Norte, Débora Loven Stayne, do PSD, será identificada como Débora Loven.
  • Em Nova Russas, Anna Cláudia Rodrigues da Silva de Sousa, do PMN, pretende concorrer com o nome Anna Cláudia.
  • Já o PSDB de Redenção terá Edyvas Pereira Gomes, que pede o registro de Edyvas Gomes.
  • Em Reriutaba, Glendha Castro Alves, do PT,  quer concorrer com o nome social de Glendha.
  • Em Ubajara, Luana Lara Firmino Lima, do PSL, quer ser identificada como Luana Lara.

Fonte: Sérgio Ripardo / Diário do Nordeste

- Advertisement -

Deixe uma resposta