Pré-candidatos do PDT ao governo do Ceará se reúnem e defendem união

Os pré-candidatos do PDT ao governo do Ceará, Roberto Cláudio, Evandro Leitão, Mauro Filho e Izolda Cela, se reuniram nesta quinta-feira (19) no Palácio da Abolição. Ao lado do ex-prefeito, do presidente da Assembleia Legislativa e do deputado federal, a governadora do estado defendeu a unidade do grupo de olho nas eleições deste ano.

Este projeto não é de uma única pessoa. É de todas e todos aqueles que querem o bem do nosso Ceará e o melhor para o povo cearense”, disse Izolda Cela.

Pré-candidatos do PDT ao governo do Ceará publicam foto

Os demais pré-candidatos pedetistas também compartilharam a imagem nas redes sociais:

Roberto Cláudio

“Recebidos hoje, em um agradável encontro, pela governadora Izolda Cela! Tempo de celebrar nossa união, compromisso e responsabilidade com o presente e o futuro do Ceará!”, afirmou.

 

Evandro Leitão

“Eu acredito em um projeto com um propósito maior de levar o bem ao povo cearense, por meio de políticas públicas sérias e eficazes. Esse projeto, que já trouxe muitos frutos para a população não tem um, mas vários rostos e cabeças pensantes que buscam o melhor pelo Ceará”, publicou o presidente do Legislativo cearense.

Mauro Filho

“Sigo firmemente acreditando em um projeto político que fez o Ceará ser o estado destaque para o Brasil inteiro. Nosso maior propósito, de forma coletiva, sempre será a melhoria de vida do nosso povo e gerar mais desenvolvimento. Vamos seguir unidos sempre pelo bem do Ceará”, divulgou em suas redes sociais.

 

Turbulências

A turbulência entre PT e PDT ocorre em razão da escolha do candidato do grupo político ao governo do Ceará nas eleições de outubro. Enquanto Sarto e parte da ala pedetista defendem o nome de Roberto Cláudio como postulante ao Palácio da Abolição, integrantes do PT estadual têm preferência pela governadora Izolda Cela como candidata à reeleição. Dirigentes petistas, como o deputado federal José Guimarães, já chegaram a cogitar o lançamento de candidatura própria à sucessão estadual, caso Roberto Cláudio seja escolhido pelo PDT como cabeça de chapa.

Fonte GC Mais

1 comentário
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.