Sobe para 25 o número de reservatórios cearenses sangrando

Subiu de 21 para 25 o número de reservatórios, monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), que estão sangrando no Ceará. Os últimos quatro a superarem a capacidade máxima foram Angicos, Itapajé, Trici e Valério.

Outros quatro açudes (Arrebita, Gavião, Jatobá II e Trapiá III) estão com volume superior aos 90%. O volume médio de todos os 155 açudes cearenses é de 18,3%.

Em contrapartida, 80 açudes estão com volume abaixo dos 30%, outros 20 estão no volume morto e oito reservatórios (Faé, Favelas, Forquilha II, Jatobá, Joaquim Távora, Madeiro, Mons. Tabosa e Salão) estão secos.

Apesar das boas chuvas registradas desde o início deste ano, os três principais açudes do Estado continuam com nível delicado. O Castanhão, maior reservatório cearense, está com apenas 3,61%. O Orós, segundo maior do Estado, está com 5,02 e, o Banabuiú, 6,20%.Resultado de imagem para Sobe para 25 o número de reservatórios cearenses sangrando

Fonte: DN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui