Turista italiana é encontrada morta na praia de Jericoacoara

Uma turista italiana foi encontrada morta na Vila de Jericoacoara, às 13h desta quinta-feira, 25.
De acordo com relatório policial, Gaia Molinari, 29, estava com indícios de estrangulamento e aparentava ter o pescoço quebrado, com marcas de sangue e lesões nos braços, possivelmente causadas por arma branca.
Um casal avistou o corpo da turista na região do Serrote, a cerca de 3km da Pedra Furada, principal ponto de visitação na praia de Jericoacoara.
A Polícia só foi acionada às 17h, e o corpo da vítima foi reconhecido pela proprietária da pousada onde a italiana estava hospedada.
De acordo com a delegada-adjunta Patrícia Bezerra, da Delegacia de Proteção ao Turista (Deprotur), que está investigando o caso, Gaia chegou em Fortaleza no último dia 16 de dezembro e viajou para Jericoacoara no dia 21. 
No período que ficou em Fortaleza, ela trabalhava no Hostel Refúgio, em troca de moradia. Procurada, a administração do estabelecimento disse que não repassaria nenhuma informação sobre o caso.
Uma turista carioca amiga da vítima, que esteve com ela durante a estadia na praia, prestará depoimento na Deprotur nesta tarde, para ajudar a elucidar o caso.
A Polícia de Jijoca, município onde fica a Vila, afirma que já existe um suspeito e investigações estão em andamento para encontrá-lo.
O corpo de Gaia foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Sobral ainda na quinta-feira, 25, e está passando por necrópsia desde a manhã desta sexta-feira, 26.
Jornais italianos dão destaque a morte da jovem
Vários sites italianos deram destaque à morte da jovem.  Jornais como Corriere Della Sera, L’Huffington Post  , il Giornale e Leggo publicaram a notícia em seus portais.
Por Jonas Deison, com informações do do jornal O Povo