Atualização cadastral do Caixa Tem fica suspensa até maio, diz presidente do banco

A atualização cadastral do Caixa Tem, aplicativo utilizado para movimentar os recursos do auxílio emergencial, ficará suspensa até maio. O anúncio foi feito pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

De acordo com o banco, o procedimento tem como objetivo garantir maior segurança de dados dos usuários e evitar fraudes. O beneficiário que não fizer a atualização, no entanto, não será penalizado com a suspensão do auxílio, caso tenha direito.

Nas últimas semanas, a Caixa divulgou um calendário escalonado para atualização do Caixa Tem, de acordo com o mês de aniversário.

A Dataprev (empresa de tecnologia da Previdência) informou ter processado mais de 40 milhões de cadastros para a liberação do primeiro lote de pagamentos.

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe uma resposta