Padre Lindomar, que é prefeito de Jijoca, pode ser afastado

No início do ano, a Procuradoria Contra os Crimes na Administração Pública (PROCAP), órgão do Ministério Público do Ceará, deflagrou uma operação em Jijoca de Jericoacoara e descobriu esquema de corrupção contra os cofres públicos. A operação resultou na prisão do ex-prefeito e membros da administração anterior a do padre Lindomar, atual prefeito. Na mesma operação, o Ministério Público apreendeu na comissão de licitação da atual gestão, de responsabilidade do Padre Lindomar, vários processos com indícios de fraude.

A Câmara Municipal teve acesso a essa documentação. Após, atestou graves irregularidades nas denúncias feitas por dois moradores: Pedro Ferreira e Roberval Pereira de Carvalho.
De posse de toda a documentação, a Câmara Municipal decidirá nesta quarta-feira, dia 20 de novembro, se receberá essa denúncia ou não.

A Lei Orgânica Municipal reza que se aceita a denúncia por dois terços dos vereadores o prefeito será automaticamente afastado do cargo.
Jonas Deison (Sobral Online), com informações de Roberto Moreira