Estudante de escola do Ceará é aprovada em 5 universidades dos EUA: ‘tive muito apoio e fé’

Aos 18 anos, Vitória é multi medalhista em olimpíadas científicas e preside uma ONG que oferta aulas a alunos de escolas públicas

Ser aprovada, de uma vez, em três das mais prestigiadas universidades do mundo. A conquista é, na verdade, um feito: e se estampa no currículo da estudante Vitória Nunes, de 18 anos, que sairá das salas de aula do Ceará para as de New Haven, nos Estados Unidos.

Em agosto, Vitória inicia a jornada de estudos na Universidade Yale, instituição com a qual sonhava e que pôde escolher cursar – já que, além desta, ela foi aceita para graduação com bolsa na Universidade da Pensilvânia (UPenn) e na Universidade Brown.

“Passei, na verdade, em 5 universidades dos EUA, neste ano, mas essas três tiveram um destaque maior, porque estão na Ivy League, que reúne as mais antigas e prestigiadas universidades dos EUA”, explica. “Mas meu sonho sempre foi a Yale.”

Além da bolsa integral, Vitória receberá uma ajuda de custo da própria instituição para se manter estudando na faculdade que “tem mais de 60 prêmios Nobel e já formou 5 presidentes dos EUA”, como ela se orgulha em contar.

Vitória e família

Para mudar de país sozinha, porém, Vitória precisou de um exército. Criada na periferia do Rio de Janeiro, a menina atribui à família e aos educadores do Organização Educacional Farias Brito, em Fortaleza, onde se preparou, o alcance do objetivo.

“Meus dois irmãos são meus patrocinadores”, ri a estudante. “Toda vez que precisei comprar um teste, livros preparatórios, eles me ajudaram. E meus pais são incansáveis. Mesmo. Sem ajuda deles não teria conseguido”, conta a menina.

“E não daria pra chegar a isso sem a minha fé. Pra você perseguir um sonho tão grande, vindo de uma realidade como a minha… Nunca imaginei que seria possível chegar numa das melhores instituições de ensino do mundo”, encanta-se Vitória.

DO RIO AO CEARÁ

A carioca veio morar em solo cearense em 2022, após ter saído da Força Aérea Brasileira (FAB) – onde entrou com 14 anos – “para perseguir outros planos”.

“Lá tinha o treinamento pra ser piloto de caça, com 14 anos minha carreira estava decidida. Mas eu me achava muito nova pra limitar meus planos tão cedo. E decidi ir pra fora do Brasil e conseguir o melhor ensino que eu pudesse alcançar”, relembra.

Na lista de adolescentes aprovados no concurso da FAB, então, o nome dela saltou aos olhos da instituição cearense, que concedeu bolsa de estudos e toda a estrutura para a menina se mudar para Fortaleza e se preparar para voos mais altos.

Estudando no Ceará, as medalhas em olimpíadas científicas continuaram a deitar sobre o peito. “Aqui é um pólo olímpico muito grande”, define Vitória, lembrando de que a preparação para esses torneios no estado de origem dela “não era uma realidade muito comum”.

Entre as premiações que a estudante coleciona estão prata e bronze na Olimpíada Brasileira de Física, dois ouros na Olimpíada Brasileira de Astronomia e uma menção honrosa no Torneio Internacional de Jovens Físicos (IYPT, na sigla em inglês).

ECO DE CONHECIMENTO
O desempenho acadêmico não foi o único trunfo para Vitória alcançar o objetivo de estudar no exterior, já que, como a estudante explica, “o processo de entrar numa faculdade americana é muito diferente da brasileira, não requer só notas das provas”.

Além das atividades extracurriculares, das medalhas e da história de vida da jovem, outra tarefa somou pontos importantes para a conquista da vaga: Vitória é presidente da ONG Ampulheta do Saber, que oferece aulas gratuitas de olimpíadas científicas a alunos sem acesso.

É uma ONG fundada por estudantes do FB. Eu sou a terceira presidente, lidero 66 voluntários de 12 departamentos, desde aulas pra olimpíadas de matemática, física, robótica e história. A gente leva o conhecimento olímpico, que não é acessível a alunos de escola pública.
Vitória Nunes
Estudante
O material é disponibilizado por meio de um site, de um canal no YouTube e de visitas a escolas. Por meio da ONG, Vitória já desenvolveu projetos para secretarias de Educação de outros estados, como Rio de Janeiro e São Paulo.

Agora, montando a bagagem para os EUA, ela projeta ir além das fórmulas da física: cursar graduação em áreas como Economia e Ciências Políticas.

 

Fonte: Diário do Nordeste

 

3 Comentários
  1. 6 Best Degreasers Diz

    Great paintings! This is the kind of information that are supposed to be shared around the internet. Disgrace on the seek engines for not positioning this put up upper! Come on over and discuss with my web site . Thanks =)

  2. removal costs calculator Diz

    Great blog! Is your theme custom made or did you download it from somewhere? A theme like yours with a few simple tweeks would really make my blog stand out. Please let me know where you got your design. Thanks

  3. Flagged as scammer Diz

    Right now it sounds like Drupal is the preferred blogging platform out there right now. (from what I’ve read) Is that what you are using on your blog?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.