Soldados israelenses encontram corpos de 40 bebês, alguns deles com a cabeça decapitada

Os corpos de bebês israelenses, alguns dos quais apresentavam decapitações, foram descobertos por soldados das Forças de Defesa de Israel (FDI) em um kibutz localizado no sul de Israel. Essa descoberta chocante ocorreu no rastro de um ataque perpetrado por terroristas do Hamas contra o kibutz Kfar Aza, situado próximo à fronteira com a Faixa de Gaza, como relatado pelo jornal francês i24.

Os soldados israelenses encontraram os corpos em meio a um cenário devastador de casas incendiadas, móveis dispersos e veículos queimados.

Uma jornalista do i24 compartilhou um vídeo nas redes sociais onde descreveu relatos angustiantes dos soldados, mencionando a presença de corpos de bebês decapitados e famílias baleadas em suas próprias camas. Kfar Aza sofreu alguns dos impactos mais severos durante o ataque terrorista do Hamas no último sábado, 07 de outubro.

As tropas israelenses estavam atualmente conduzindo operações de busca e recuperação dos corpos de civis, os quais foram colocados em sacos para cadáveres. Essa tarefa se mostrou desafiadora devido ao confronto contínuo com terroristas armados e à necessidade de desarmar armadilhas deixadas pelo Hamas.

Em um comunicado divulgado na terça-feira, 10 de outubro, o major-general israelense Itai Veruv condenou veementemente o ataque, classificando-o como um massacre e uma atividade terrorista de proporções chocantes, comparável aos pogroms que ocorreram na Europa e em outros lugares, sendo algo inédito na história recente.

Fonte: MCeará News

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.