Suspeito de espancar companheira até a morte no interior do Ceará tem prisão preventiva decretada

Briga do casal teria sido motivada por ciúmes, após a mulher ver o companheiro conversando com uma travesti.

Clésio Lopes dos Santos, de 29 anos, preso por suspeita de matar a companheira espancada na zona rural de Ibaretama, no interior do Ceará, teve a prisão preventiva decretada nesta terça-feira (23). Ele foi autuado por feminicídio.

O crime ocorreu na madrugada de segunda-feira (22), em uma casa na localidade de Barreiros. Keilliane Dantas da Silva, de 27 anos, foi agredida durante uma discussão com o suspeito.

Na audiência de custódia, o juiz de Direito Welithon Alves de Mesquita, considerou que a conversão da prisão em flagrante para a preventiva seria para a garantia da ordem pública.

“Assim, tem-se que o decreto preventivo neste momento processualé medida necessária dado a necessidade de salvaguardar a ordem públicaviolada e para fins de aplicação da lei penal, visto seu alto nível depericulosidade, circunstância que evidencia que a aplicação de medidas cautelares diversas da prisão seriam insuficientes para resguardar a ordempública”, diz um trecho da decisão.

Briga por ciúmes

Conforme o Auto de Prisão em Flagrante, a briga do casal foi motivada por ciúmes, pois a mulher não gostou de saber que o companheiro estava conversando com uma travesti.

Após agredir a mulher, Clésio a levou para a casa dos pais dele, alegando que ambos tinham sido baleados. Ao encontrar a nora, o pai do suspeito percebeu que ela não tinha ferimentos de tiro, mas estava com hematomas nos olhos.

Segundo o documento, os sogros abrigaram a nora ferida, que não mais falava, “apenas respirava muito forte”, e ela dormiu na residência. Pela manhã, os pais do suspeito perceberam que a mulher estava morta e acionaram a polícia.

Prisão

Clésio fugiu da casa dos pais antes da chegada da polícia, mas foi capturado momentos depois e conduzido para a Delegacia Regional de Quixadá, onde foi autuado em flagrante por feminicídio.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, na unidade policial a Polícia Civil também cumpriu dois mandados de prisão temporária e preventiva que já existiam contra ele pelo crime de homicídio.

O homem também possui antecedentes criminais por tentativa de homicídio e roubo a residência.

Fonte: G1 Ceará

2 Comentários
  1. Rhea Diz

    It’s an amazing article for all the web people; they will get benefit from it I am sure.

  2. magnificent put up, very informative. I’m wondering why the other specialists of this sector don’t understand this.
    You must proceed your writing. I’m confident, you’ve a great readers’
    base already!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.