Polícia Civil deflagra operação e cumpre três mandados de prisão em desfavor de membros de grupo criminoso com atuação em Sobral

Com  o objetivo de combater grupos criminosos que tentam se instalar no Ceará, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) deflagrou, na manhã desta quarta-feira (10), mais uma operação para dar cumprimento a mandados de busca e apreensão, de prisões preventivas pelos crimes de organização criminosa e tráfico de drogas. Os alvos, com base nas investigações, integram um grupo criminoso carioca que atuam diretamente em Sobral. Na operação desta quarta-feira, intitulada Duodecim, três mandados de prisão por tráfico de drogas foram cumpridos.

Coordenada pela Delegacia de Narcóticos (Denarc), unidade especializada da PCCE, com apoio investigativo do Departamento de Polícia Judiciária Especializada (DPJE), do Departamento de Inteligência Policial (DIP) e apoio operacional das delegacias Regional de Sobral e Municipal de Sobral, a PCCE cumpriu, na data desta quarta-feira, três mandados de prisão por tráfico de drogas, bem como efetuou apreensão de um veículo, além de cumprir cinco mandados de buscas domiciliares em Sobral. Desses cumprimentos, um alvo encontrava-se em liberdade e dois deles foram cumpridos em unidades prisionais situadas na Região Norte e Região Metropolitana de Fortaleza. Os alvos, com base nas investigações, atuavam diretamente em Sobral e articulavam a distribuição de drogas neste município.

Em Fortaleza, equipes da Denarc capturaram o primeiro alvo, um homem, de 36 anos, no bairro Granja Lisboa (AIS 02). Ele já responde pelos crimes de tráfico de drogas, furto qualificado e crime contra a fé pública. O suspeito estava em uma via pública do bairro e foi preso pelos policiais civis da unidade especializada da PCCE. Durante a operação, a Denarc também apreendeu em uma via pública do bairro Monte Castelo (AIS 04), um veículo Chevrolet Ônix vermelho.

O segundo alvo da operação, um homem, de 31 anos, que já responde por roubo, tráfico de drogas e homicídio doloso, estava recolhido em uma unidade prisional na Região Metropolitana de Fortaleza.

Prisão de liderança

Já o terceiro alvo desta operação e que, com base nas investigações é apontada como uma das chefes de um grupo criminoso de origem carioca, trata-se de uma mulher, de 34 anos, que estava com um mandado de prisão preventiva em aberto em seu desfavor. Esse  mandado de prisão contra essa mulher, que atuava na cidade de Sobral e possui extensa ficha criminal pelos crimes de tráfico de drogas e homicídio doloso, foi cumprido em uma unidade prisional no município de Sobral onde ela se encontrava.

“Operação Duodecim”

A operação Duodecim tem como objetivo a retirada de circulação de membros de grupos criminosos que atuam na Capital, bem como na Região Sul e Norte do Estado. O foco é desmembrar e desarticular esses grupos que tenham migrado de outros estados para o Ceará. A operação mira chefes de grupos criminosos e seus braços direitos.

Denúncias

As denúncias são fundamentais para fortalecer as apreensões realizadas em todo o Ceará. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da SSPDS-CE, ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

A Denarc, conta com canais de comunicação direta de denúncias por meio dos quais a população pode compartilhar informações que tenham conhecimento acerca do tráfico de drogas no Ceará. As informações podem ser repassadas pelo contato (85) 3472-1560, que é WhatsApp. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Fonte: SSPDS/CE

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.